2090

“(Estamos em Londres, julho de 2090. Algumas décadas após o fim da III Guerra Mundial. Ou "Grande Guerra do Petróleo e da Água", que é o nome pelo qual ficou mais conhecido o conflito que devastou o mundo entre 2056 e 2063, logo após o fim das reservas mundiais daqueles recursos.

A cidade está reconstruída. Mas não é mais a mesma.

Abre a cena. Uma sala iluminada, neutra, sem janelas. Um homem sentado numa cadeira. Confortável, mas não reclinado.

A câmara está distante dele, de lado, a 3 metros aproximadamente. Vai então em lento "close-up" até filmá-lo de frente. É quando ele levanta os olhos para ela (a câmara), que agora o filma a aproximadamente 1 metro de distância, uns 20 centímetros acima da linha do rosto.

Nesse momento, ele começa sua fala. Sereno, mas convicto.)

Meu nome é Winston George. A descrição dos fatos que passo a fazer em seguida, sei que poderá causar algum mal-estar àqueles que conseguirem assistir esse filme. Se eu conseguir levá-lo ao mundo exterior.

Devo tentar com todas as minhas forças, pois são terríveis as minhas experiências de vida atual. Eu sou apenas um, mas estou sendo usado como cobaia deles.

Alguém do mundo exterior precisa saber, para evitar que eles façam isso com todos. Eles querem controlar toda a população mundial.”
Alberto Fonseca, Terra Magazine
Artigo Completo, ::Aqui::

Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: