É bom a TV estar tímida

Nelson Hoineff, JB Online

“A televisão aberta brasileira perdeu audiência. Isso é fato, mas não se deve fazer um drama. A explicação é simples: a TV não é mais um veículo massivo como foi no passado. Quando se compara a audiência de uma novela de hoje, como Caminho das Índias, com o público de uma novela de ontem, como Roque Santeiro, por exemplo, que chegou a 99 pontos de audiência, está se comparando públicos muito diferentes.

O público de uma novela de 1995, por exemplo, estava totalmente voltado para a televisão, que era a mídia dominante. Hoje a sociedade tem outras fontes de lazer e cultura à mão, como a internet, o MP3, o celular, a TV paga etc. Ora, isso é bom! Essa conjuntura torna o consumo mais parecido com a sociedade, que é altamente heterogênea. Não deveria ser estranho caírem os índices do Ibope: estranho é haver 70% da população ligada no mesmo programa. Houve uma época, aliás, em que para se sentir parte da sociedade o indivíduo precisava assistir à novela. Se ele chegasse ao trabalho sem ter visto o capítulo do dia anterior não entrava nas conversas, simplesmente não tinha assunto. Hoje, o tempo que as pessoas dedicam à televisão é menor, já que o tempo para tudo é mais exíguo.”
Artigo Completo, ::Aqui::
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

Plebe Rude e Ignara disse...

Eu cheguei a faltar num curso só por causa do roque santeiro!!
depois da banda larga vejo no maximo 2 filmes por semana e nem vejo quase tv! vejo o JN na globo.com... gols idem..
hoje não somos mais dependentes da TV.
mas ainda ouço muito radio(cbn,band,energia{mesa redonda})abraços
Davinte