Mais de mil livros, mais ainda a escrever

Roberto de Sousa Causo, Terra Magazine

Rubens Francisco Lucchetti: O Homem de 1000 Livros, R. F. Lucchetti & Jerusa Pires Ferreira. São Paulo: Com-Arte, 2008, 158 páginas. Ilustrado.

“A ficção científica e fantasia brasileira (e outros gêneros populares) têm poucos herois, ícones ou referências obrigatórias. Acabamos buscando nossos herois e referências no exterior. Como resultado, consciente ou inconscientemente aceitamos que os argumentos quanto ao valor e à importância, às tendências e aos objetivos desses gêneros também tenham que vir de fora - problema de que o mainstream literário brasileiro certamente não padece (ou não na mesma proporção).

Rubens Francisco Lucchetti é um heroi da literatura popular no Brasil, sendo o decano dos nossos autores de ficção pulp, pioneiro dos quadrinhos e do cinema de horror. Ele já havia recebido uma homenagem do fandom, por meio do livro amador compilado por Edgar Guimarães, Rubens Lucchetti Nico Rosso (1994). Esse livro trouxe quadrinhos produzidos pela dupla, mas também textos de Marco Aurélio Lucchetti (filho de Rubens), Fábio Santoro, Reinaldo de Oliveira, Vasco Granja, Paulo Lerosi, Edson Rontari, Rudolf Piper, Jaime Rodrigues, André Setaro, Ivan Cardoso, Gonçalo Junior, Fernando Mojica, A. Carvalhaes, Luciano Ramos, e da própria Jerusa Pires Ferreira, pesquisadora da Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, que conduziu a entrevista com R. F. Lucchetti compilada em O Homem dos 1000 Livros.

Trata-se de um livro produzido pela COM-ARTE ( http://www.eca.usp.br/comarte), editora-laboratório do Curso de Editoração da ECA/USP, editado por Andréia Moroni & Magali Oliveira Fernandez, com um grupo grande alunos que participou da transcrição das fitas. O livro abre justamente com um depoimento coletivo de treze alunos envolvidos no projeto, com suas reações a ele - seguido então de introdução Magali Oliveira Fernandes (que aparece com "z" na página de rosto), discutindo um pouco mais o trabalho com os alunos, na empreitada conduzida no segundo semestre de 2002. Deixam claro que o trabalho foi interessante e que consideram o livro uma homenagem - agora a partir do ambiente acadêmico - a R. F. Lucchetti.”
Artigo Completo, ::Aqui::

Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: