Táxi é táxi em qualquer lugar

Eduarso Tessler, Terra Magazine

“O táxi é um universo em miniatura de qualquer comunidade. Basta entrar em um carro, trocar as primeiras palavras com o motorista que você já vai entender um pouco da cidade que está visitando.
Não tem erro. O modo de conversar - ou o silêncio -, a limpeza do veículo, a maneira como se enfrenta o trânsito, a simpatia, o preço, a cobrança. Tudo faz do táxi uma sociedade compacta.

O fotógrafo italiano Oliviero Toscani, que revolucionou a publicidade com os anúncios da Benetton, diz que basta observar os outdoors de uma cidade para se conhecer seu povo.

Talvez Toscani não tenha andado de táxi. É ali que se aprende a entender a comunidade. As curvas acentuadas, o mau humor, as risadas, o taxímetro desligado de propósito, o caminho mais longo, coisas como essas.

Táxi em Santiago do Chile é um primor: na maior cara-dura os motoristas desligam o taxímetro, alegam qualquer problema, e querem impor tarifas dobradas. O desavisado embarca nessa canoa furada. Quem sabe os empresários chilenos também aprontam dessa maneira.

Em Buenos Aires a elegância de um tango ajuda no golpe. Não tente pegar um táxi no aeroporto de Ezeiza, o roubo parece certo. Há quem já tenha sido assaltado em um suposto estrago do carro, que para no acostamento enquanto um segundo carro chega, simula um roubo e leva malas, dinheiro e documentos. O motorista jura que ele também foi assaltado.”
Artigo Completo, ::Aqui::
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: