Fale conosco

Leila Cordeiro, Direto da Redação

"Você já tentou se comunicar através da seção “Fale Conosco” no site de alguma empresa ou de alguém famoso e importante? Pode até ter conseguido algum dia, mas quem frequenta os sites disponíveis sabe que não é tarefa das mais fáceis. Pois, acredite se quiser, eu consegui uma resposta até que razoavelmente rápida.

Tudo começou num dia daqueles que a gente acorda querendo resolver todos os problemas do mundo, senão do mundo, da comunidade onde você vive. No meu caso, estava decepcionada com a falta de interesse das emissoras de TV do Brasil em ter um correspondente em Miami. Eu já havia tentado me comunicar com algumas delas propondo ser a repórter local, sem sucesso. A resposta vinha sempre a mesma. Já temos correspondentes em Nova Iorque e Washington, o que já é suficiente.

Mas porque não em Miami, eu me perguntava, que é a verdadeira porta de entrada dos Estados Unidos para a América Latina? Essa história de fazer da cidade um covil de “fugitivos” brasileiros de todas as vertentes e modalidades é coisa do passado. Evidentemente que alguns colarinhos brancos andaram se escondendo em prédios luxuosos à beira mar usufruindo do dinheiro publico ou privado roubado no Brasil, mas, pelo que se sabe, já estão todos pagando atrás das grades.

O que ficou da comunidade brasileira foram os “sobreviventes”, é isso mesmo, sobreviventes e batalhadores que vêm honrando o nome do país, sem que o brasileiro que vive no Brasil saiba do trabalho que tem sido feito por seus conterrâneos no exterior, exatamente porque não temos quem descreva com todas as cores e nuances o que acontece de bom em Miami.”
Artigo Completo, ::Aqui::
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: