Só restarão os livros

José Luiz Teixeira, Terra Magazine

“Dia desses, em uma festa de aniversário de criança, fui apresentado ao diretor de um grande jornal.

Como depois de três ou quatro indiretas ele se fez de desentendido e não me convidou para publicar minhas mal traçadas crônicas em seu diário, resolvi abordar um tema de interesse comum: o futuro dos jornais.

Na sua (lá dele) opinião, é bem provável que daqui a alguns anos a mídia eletrônica acabe com a mídia impressa; mas não com o jornalismo nem com a empresa de comunicação.

Ainda que o leitor tenha acesso às notícias pela Internet, será sempre necessário o profissional que colha, apure, organize, faça uma triagem e edite as informações para ele.

Mais do que isso: o noticiário digital precisará ter não somente uma redação organizada em sua retaguarda, como também credibilidade.
Concordei. Mesmo porque nunca é bom discordar de um diretor de jornal. Nunca se sabe como será o dia de amanhã.

Creio que as revistas desaparecerão depois que os jornais. Na minha sempre (i)modesta opinião, no futuro, no que diz respeito à palavra impressa, só restarão os livros.”
Artigo Completo, ::Aqui::
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: