Circo dos horrores na TV

Leila Cordeiro, Direto da Redação

“É cada vez maior o número de telespectadores,  e até de profissionais de TV,  abismados com tantas baixarias, desmandos e irresponsabilidades observados em alguns programas da televisão aberta que nos fazem pensar que qualquer código de ética que pudesse existir já foi para o espaço há muito tempo.

Em julho de 2010, a veterana e premiada atriz Laura Cardoso foi alvo de uma das maiores humilhações de sua vida sem nenhuma explicação. Laura saía do lançamento de um livro num shopping em São Paulo,  quando uma pretensa humorista do programa Pânico a abordou pedindo uma “entrevista”.

Muito educada e simpática,  a atriz aceitou conversar, mas jornalistas que estavam próximos a ela correram para avisá-la sobre as más intenções da “falsa repórter” que queria, na verdade, “arrotar” em seu rosto. Boquiaberta, Laura ficou perplexa com aquele absurdo e perguntou a uma amiga, quase sem acreditar naquilo:

-Mas o que foi que eu fiz para ela querer fazer isso comigo?

Quanta inocência da Laura, não? Ela que na época tinha 82 anos,  e mais de 50 como respeitada atriz, disse depois que jamais poderia imaginar que num outro canal do mesmo veículo onde trabalhou em produções tão bem feitas e memoráveis, poderia haver algo tão repugnante no ar como essa coisa de “arrotar” sem mais nem menos no rosto das pessoas.

Diante disso, a tal “mulher arroto” acabou “aposentada” pelo próprio Pânico que,  apesar da irreverência  muitas vezes fora de controle, decidiu tirar  a inconveniente personagem do ar.  E nunca mais se soube dessa moça, que se prestou a esse papelão.”
Artigo Completo, ::Aqui::
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

Bel disse...

O que mais tem na tv é baixaria programas de má qualidade ou imitação barata,Danilo nada gentili imitando o jô e´um fracasso, tudo ele faz igual ao jô, Jô só existe um,oRafinha bosta o programa dele deu 1 ponto kkk de tão ruim, falta de criatividade, o pânco nem se fala é o pior de todos só tem baixaria e humilhação.