Um sorriso emoldurado


Diogo Luz, Revista Bula

“A foto é um instante eternizado de ausências. O recorte de um momento para ser dividido com quem não participou da celebração ou do luto por motivos importantes, mesquinhos ou corriqueiros. Uma viagem, doença, trabalho ou até mesmo porque ainda não nos conhecia ou preferia esquecer. De qualquer forma, a revelação de um genuíno altruísmo e também a acusação venenosa de vingança: não estávamos lá.

É impossível descobrir o desenrolar e o prelúdio do ápice. Ficamos restritos àquele fragmento congelado de tempo. O vestido branco eternamente imaculado, os lábios vermelhos emoldurando o sorriso de comercial, enquanto a renda nos braços esconde com o trançado translúcido dos fios a pele exposta no decote das costas. Olhando com mais atenção, talvez uma solitária pinta no emaranhado de pixels. 

No mais, apenas dúvidas. Talvez o vestido tenha manchado com o vinho, o batom borrado com o beijo e as costas arranhadas pelas unhas. O registro é a perpetuação de um instante em uma vida efêmera e muito mais rica, mas o suficiente para despertar certezas nos protagonistas e interrogações na audiência.”
Artigo Completo, ::AQUI::
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

Bruna Araújo disse...

Adorei o blog, muito lindo, amei tudo. Parabéns mesmo, vou sempre estar aqui (:

ontendency.blogspot.com