Coletânea reúne 50 mulheres da periferia em publicação inédita


Perifeminas narra histórias e conquistas ligadas à cultura urbana nas periferias de São Paulo. Idealizada pela Frente Nacional de Mulheres no Hip Hop, coletânea reúne 60 textos em poesia e prosa


Um livro inteiro feito por mãos femininas da periferia de São Paulo. A antologia literária “Perifeminas” conta com a participação de mais de 50 mulheres que narram suas histórias no movimento Hip Hop. A obra foi lançada no dia 6 de fevereiro.

Idealizado pela Frente Nacional de Mulheres no Hip Hop, “Perifeminas” reúne 60 textos em poesia e prosa. Conta as vivências, os dramas e as conquistas ligadas à cultura urbana e ao dia-a-dia nas periferias.

Segundo o coletivo, o livro é uma contribuição das mulheres não só para o Hip Hop, mas também para a literatura marginal. Muitas delas são conhecidas pelo que já faziam no movimento cultural como Mcs, Djs, Grafiteiras ou B-Girls.

Outras já eram letristas e poetas, e são conhecidas pelas participações em saraus literários. O livro traz também histórias de mulheres que ousaram lançar CDs sozinhas, sem qualquer tipo de apoio.

A obra é considerada um feito histórico e inédito, pois nunca foi publicada uma coletânea só com textos de mulheres da periferia.”
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: