21 perfis do instagram para apaixonados por livros


Ricardo Silva, Revista Bula

Rede social oficial de fotos feias de comida, de legendas de motivação com frases de Augusto Cury para qualquer ida à academia, e também de fotos de biquini na praia acompanhadas de grandes lições de vida, ou ainda de gatos, cachorros e crianças, o Instagram tem lugar para todo mundo. Inclusive aqueles que parecem não ter muitos lugares por aí: os leitores. Por isso, criei um pequeno guia de perfis que são essenciais para leitores que se levam a sério.

Como toda boa lista, essa aqui não é definitiva e leva em consideração o elemento básico de um bom perfil no instagram: boas imagens de bons conteúdos. Ou seja, nada de foto feia de livro ruim (“ah, mas não existem livros ruins, toda leitura vale a pena!” Olha, prometo pra vocês que tiro um texto inteiro só pra “provar” que isso é balela, mas não vai ser nesse, tudo bem?

Vamos à lista: ela está dividida em três parte mais bônus, com perfis que não somente publicam e recomendam títulos como fazem pequenas resenhas — optei pelos dois que mais acompanho, apesar de haver outros vários (e bons) na mesma linha; tem também os perfis que não fazem resenhas mas trazem boas indicações de leituras nos seus conteúdos, esses tiveram sua própria categoria; assim como também os perfis gringos mais do balacobaco para serem seguidos. De bônus as editoras que melhor sabem usar o Instagram a seu favor (trocando em miúdos: existem excelentes editoras que fazem um trabalho incrível, mas que ainda não pegaram os macetes de estratégia no uso do Instagram, já que é dele que estamos falando aqui). Tudo esclarecido, eis a lista.

Pequenas resenhas

@livrogram

Resenhas curtas e diretas com dicas literárias, o Livrogram é desses perfis pra ver, ler, ver de novo, ler de novo e depois anotar algumas dicas. E o melhor: as dicas são de quem realmente leu os livros sobre os quais está falando.

@livroarbitrio

Além do nome genial, o Livro Arbítrio é um bom perfil para leitores jovens que querem seguir uma via alternativa de leituras, que não sejam basicamente João Verde e associados. Lá encontramos de Isaac Asimov a José Lins do Rego.
Bons indicadores

@livros_abertos

Perfil de um dos melhores blogs pessoais de crítica literária da nossa internet tupiniquim, o Livros Abertos tem uma boa proposta de conteúdo: ter um olhar mais demorado, característica do leitor dos velhos tempos.

@suplementope

O Suplemento Pernambuco é um desses suplementos que a cada artigo e leitura, a mente dá uma expandida e novas perspectivas são abertas. Leitura necessária e follow obrigatório.

@jornalrascunho

Perfil do melhor jornal (exclusivamente) literário do país. Não se pode ignorar as dicas de uma equipe assim. E o melhor: todo conteúdo da versão impressa é disponibilizado gratuitamente. Ótimo lugar para encontrar novas e boas leituras.

@umlivropordia

Aqui a conversa é de leitor para leitor. Um bom diário de leituras por uma leitora que se preza. Bom acompanhar um leitor como a gente, que não é feito só de grandes leituras.

@fran_livroecafe

Francine Ramos, fã devota de Virginia Woolf, faz do seu perfil no Instagram um lugar que consegue aliar, café, cerveja, e boa literatura. Ou seja, você também vai querer ser amigo dela.

@tatianafeltrin

Tatiana Feltrin faz parte da safra famosa dos “booktubers”, que são os vlogueiros de livros, que compartilham suas leituras em vídeos-resenhas. Além de ser uma (quase) celebridade desse meio, Tatiana é uma leitora voraz e no geral traz boas dicas sobre leituras e livros. Vale acompanhar o perfil da moça.

@livrosepessoas

Perfil que faz um apanhado geral sobre as novidades do mercado editorial brasileiro e internacional. Apesar de algumas ressalvas, acho válido estar aqui.

@marcelofrancodeassis

Colunista esquivo dessa honrosa revista, Marcelo é, além de um não-escritor de qualidades únicas, um leitor que deixaria qualquer compulsivo-obssessivo no chinelo. O seu perfil é mostra disso. Se resume basicamente às duas boas paixões da vida de um homem: livros e charutos.
Gringos

@huffpostbooks

Perfil do suplemento literário de um dos maiores portais jornalísticos do mundo. Nem sei se preciso dizer mais algo.

@mybibliofile

A incompreendida paixão chamada bibliofilia em fotografias sensíveis de obras incríveis da literatura mundial. Se você for do tipo que é cheio de restrições para seguir alguém, coloque esse perfil na lista prioritária.

@darnius

Quando um leitor apaixonado por literatura e fotografia resolve unir suas duas paixões num perfil de Instagram. O resulto: @darnius.

@penguinbookaday

Sou fã confesso do grupo Penguin e esse perfil que posta, pelo menos, uma foto de um clássico Penguin por dia é um ótimo jeito de estar cada vez mais imerso nesse mundo.

@vintagebooklove

Para os leitores que surtam com capas velhas (conhecidos atualmente como “vintages readers”): esse perfil publica capa de edições da década de 1980, 70, 60 e 50. Um exercício de nostalgia.

@bibliograms

Seleção especial do melhor da literatura universal feitas por um leitor assim como eu e você. Como fanático confesso por capas de livros, indico por ser um bom perfil de capas e também por ser curioso ver edições gringas de livros em português.

@bookcvlt

Como os vintages odeiam ter só uma opção, eu deixo mais uma aqui na linha das “vintages covers” (traduzindo: capa velha, que eu gosto muito, diga-se de passagem).

@igreads

Perfil que agrega publicações a respeito de livros e leitores do mundo inteiro. Um excelente portal para novas descobertas e para quem gosta de ter boas inspirações fotográficas.

@ehfop

Perfil da Ernest Hemingway Foundation que faz a cabeça de qualquer apaixonado por esse que é um dos melhores e maiores escritores do da história. Poucas publicações, porém um achado nesse mundão de perfis lotados de postagens e vazios de conteúdo.

@subwaybookreview

Sem dúvida, um dos perfis mais bonitos dessa lista. Leitores de metrô e os seus livros em fotografias preto e branco. Aqueles leitores de metrô e ônibus vão se identificar na hora.

@roedordelivros

Como a lista é pessoal, minha, toda minha e confio no que faço, ponho aqui também o meu perfil do meu diário de leituras. O que leio, nem sempre na ordem que leio, mas faço questão de deixar registrado.
Bônus: melhores editoras no instagram

@darksidebooks e @editoraaleph

O lado sombrio da força (entendedores que entendam!). Coloquei as duas juntas porque elas são editoras que tem como enfoque jovens e jovens-adultos e têm feito isso muito bem nas redes sociais. Boas editoras sabendo formar bons leitores.

@companhiadasletras

Não adianta ficar falando muito sobre a Companhia das Letras basta dizer: bons e boa interação com o público leitor, com conteúdo inteligente.

@cosacnaify

Como aprecio uma boa elegância e discrição, não teria como não ter nessa minha lista bônus a mais elegante e discreta editora brazuca. Uma editora que vale cada título que publica. E o seu perfil no Instagram faz jus à isso.

@editorazahar

Gosto da Zahar pelo seguinte: incríveis capas de clássicos. Isso num perfil de instagram, enche os olhos. Pode dar follow sem medo de ser feliz.
Como eu sou listomaníaco, sei como funcionam as listas e sei que um dos fenômenos obrigatórios que acontece em toda lista é o seguinte questionamento: “ah não acredito que não colocou @fulanodetal. Normal, tranquilo e esperado. Por isso fica o desafio: coloquem aí nos comentários os perfis que vocês acham que precisariam estar nessa lista. Fiz minha parte, agora é com vocês!"
Enviar Google Plus

About Antonio Ferreira Nogueira Jr.

Contato- nogueirajr@folha.com.br
Revista- WMB

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários: